Todo o trabalho partilhado neste blogue pode ser visionado, consultado e utilizado, mas, por favor, não apague os créditos de um trabalho que é meu. E não plagie. O plágio é uma prática muito feia. Se entender contactar-me o meu e-mail é anabelapmatias@gmail.com
Agradeço aos autores dos vídeos a sua partilha, generosa, no Youtube. Sem esta partilha, as minhas postagens ficariam mais pobres.

segunda-feira, 23 de abril de 2012

25ª Aula - As Invasões Bárbaras e o Novo Mapa da Europa

25ª Aula - As Invasões Bárbaras e o Novo Mapa da Europa

Sumário: A primeira vaga de invasões - as invasões bárbaras e o novo mapa político da Europa. O papel evangelizador da Igreja Católica no ocidente europeu.

Os germânicos ou germanos, povos de origem indo-europeia a quem os romanos depreciativamente chamavam bárbaros, viviam fora das fronteiras do império romano, para além dos rios Reno e Danúbio. Eram povos bastante mais atrasados e rudes do que os romanos, viviam em aldeias, dedicavam-se à agricultura, à criação de gado, à metalurgia e à guerra. A partir do século II os bárbaros começaram a instalar-se dentro do império romano, mais ou menos pacificamente, mais ou menos tolerados pelos romanos, chegando até a integrar o exército romano.
A partir de finais do século IV, pressionados pelos Hunos que se deslocavam da Ásia Central para Ocidente, os bárbaros irromperam violentamente pelo Império adentro, onde encontraram apoio junto dos seus, provocando o caos, a destruição, a violência e a morte. Em 395, o Império é dividido em dois - Império Romano do Ocidente e Império Romano do Oriente. A queda de Roma, em 476, tem como maior consequência a queda do Império Romano do Ocidente. O Império estava ferido de morte, o poder político central desaparecera, as populações estavam quase completamente indefesas, não fora a proteção dos membros do clero. Entretanto, os bárbaros - Vândalos, Suevos, Visigodos, Ostrogodos, Burgúndios, Anglos, Saxões, Francos... vão-se acomodando dentro dos territórios que antes fizeram parte do Império Romano dando origem aos reinos bárbaros que, por sua vez, dão origem à Europa que hoje conhecemos - a Europa das Nações. Aqui, na Península Ibérica, vão surgir dois importantes reinos - o Suevo e o Visigodo. Este último anexará, posteriormente, o reino suevo.
As relações entre conquistados e conquistadores são inicialmente difíceis. Os bárbaros não falam latim, não professam o cristianismo, não se esqueçam que esta era já a religião oficial do Império desde 380, não têm os mesmos usos e costumes... mas, com o tempo, vão acabar por se aproximar entre si, invadidos e invasores, quer através de casamentos mistos, quer através da ação dos membros da Igreja Católica, nomeadamente dos seus bispos que vão encetar a tarefa de evangelização destes povos pagãos.
O primeiro rei bárbaro a converter-se ao cristianismo foi o rei dos Francos, Clóvis, em 496,
posteriormente converte-se Recaredo, rei dos Visigodos e Teodemiro, rei dos Suevos, que, dando o exemplo aos seus súbditos, vão acelerar o processo de conversão ao cristianismo por parte desta população vitoriosa, esbatendo diferenças entre conquistados e conquistadores e contribuindo para a sua fusão.
As ordens religiosas desempenharam um importantíssimo papel na evangelização, nomeadamente a Ordem de S. Bento, fundada no Monte Cassino, em Itália, em 529.
Esta ordem devia ser autosuficiente, atenção ao significado desta palavra!, e os seus membros deviam realizar trabalho manual, intelectual, para além da obrigação primeira que era o dever da oração.  Desbravaram florestas, cultivaram campos, dedicaram-se à produção artesanal, para além de fundarem escolas, bibliotecas e copiarem livros, os chamados manuscritos. Desempenharam, pois, um importante papel do ponto de vista económico e cultural.

Na próxima aula abordaremos a segunda vaga de invasões que vai contribuir para mais insegurança vivida e sentida um pouco por toda a Europa Ocidental.
Por agora deixo-vos com a minha apresentação em PowerPoint intitulada S - O Novo Mapa da Europa, Invasões Bárbaras.
Deixo-vos ainda quatro vídeos curtinhos, mas muito interessantes, sobre as invasões bárbaras que selecionei para vocês no Youtube. Não deixem de os ver! Acho que vão gostar. O último trata especificamente o caso da Península Ibérica.
Ah! E vão estando atentos aos meus sublinhados... como sabem, é uma técnica de estudo utilizada por muitos, por mim também...
Bom trabalho a todos!








21 comentários:

  1. Obrigada por me terem ajudado

    ResponderEliminar
  2. os vidios so gosto de um que e o segundo a contar de cima o resto dos vidios nao gosto mas o resto esta um espetaculo

    ResponderEliminar
  3. Fico contente por poder ser útil! :) :) :)
    Votos de excelente trabalho!

    ResponderEliminar
  4. Anónimo de dia 6 de Abril, registei as apreciações! Obrigada!

    ResponderEliminar
  5. Isto ajudou-me a estudar para o teste ; decerto terei boa nota ! ;)

    ResponderEliminar
  6. muito obrigada pela ajuda!!! Este site já está garantido sempre que tiver que estudar história!! A senhora devia ser professora Universitária! É bem melhor que a minha!!! Já não aguento as aulas de noventa minutos com ela..

    ResponderEliminar
  7. Espero bem que sim, Anónimo das 02:5!Se estiveres atento nas aulas e se estudares... por certo terás! Se achas que te posso ajudar.... então deixas-me deveras contente! :)
    Beijinhos e votos de excelente trabalho!

    ResponderEliminar
  8. Muito obrigada pelas amáveis palavras que aqui me deixas, anónimo das 8:25!
    Lamento que as aulas de História te pesem porque a História, salvo raras excepções, é uma disciplina feita de matérias interessantíssimas. :(
    Volta sempre que entenderes ser útil para ti. Aplica-te e esforça-te porque, por certo, serás recompensado.
    Quanto ao eu dever ser professora universitária... huuuum... não acredito. Apenas porque estou exactamente onde me dá mais prazer estar - o 3º Ciclo.
    Beijinhos e votos de bom trabalho até ao fim do ano... eheheh... está quase!

    ResponderEliminar
  9. obrigada pela ajudada! Foi muito útil!

    ResponderEliminar
  10. a minha prof de hito ria mostrou nos o segundo vidio a contar de cima na aula e disse para o rescrevermos nos nao conseguimos tirar informaçao quase nenhuma mas quando eu o vi aqui mandei para toda a turma e como e obvio tivemos todos muito bom
    final feliz, ham

    ResponderEliminar
  11. Fico contente, anónimo ou anónimos de 3 de maio, por vos poder ser útil!
    Apareçam sempre que entenderem.
    Votos de excelente restinho de ano letivo!

    ResponderEliminar
  12. Só hj conheci o seu blog.Uma bela aula. Parabéns e obrigada.
    Maria Amélia.

    ResponderEliminar
  13. Fico contente por ter correspondido. Fico contente por poder ser útil
    Obrigada!
    Beijinhos, Maria Amélia!

    ResponderEliminar
  14. amei!!!Obrigada por me ter ajudado

    ResponderEliminar
  15. Muito grata pelas suas palavras de incentivo ao meu trabalho, Sandra Borges!
    Beijinhos e votos de excelente ano!

    ResponderEliminar
  16. Grata pelos vossos comentários, anónimos! No que eu puder ser útil... ;)

    ResponderEliminar